Primeiro Bebê

08.02.2012

A escolha da babá

Gente! Não tem coisa mais difícil do que conseguir uma boa babá, principalmente porquê, para cuidar dos nossos filhos, somos muito mais que exigentes, não é mesmo?

Meu filhote já está com 6 meses e, graças à Deus, está em ótimas mãos. A babá do Rafa já tinha cuidado do meu sobrinho, por isso não passei por este dilema. Mas eu sei muito bem que este é um assunto polêmico, por isso merece ser abordado, né? Foi então que dei de cara com este super post no blog Ask Mi, da Marina Xandó, fofa e mãe da Maria Victoria (1 ano e 6 meses).

Lá ela deu dicas de quem já passou por isto, e eu complementei com alguns pontos que também acho importantes. Confere!

O primeiro passo é entrar em contato com uma agência especializada em babás ou falar com o maior número de amigos para receber uma indicação. Depois disso, marque a entrevista.

Na entrevista:

1. A aparência é o cartão de visita. Além disso, cheque se ela trouxe os documentos necessários como RG, currículo, comprovante de residência, telefones de lugares que ela já trabalhou;

2. Comece falando do seu filho, da rotina dele, etc.. Se você estiver grávida, fale um poquinho sobre o bebê (quantos meses de gestação, o sexo, quando vai nascer). Aqui, a ideia é verificar se há um interesse por parte da babá, principalmente se a criança já estiver nascido. Mesmo que a babá seja tímida, ela pode mostrar através da postura, gestos, se está interessada na criança. A Marina acha super importante, e eu também!!

3. Depois, passe para as questões mais práticas, como:

* Há quanto tempo ela trabalha como babá;

* Quais lugares que ela já trabalhou e qual era a idade das crianças que cuidou. Perceba aqui se ela fala com carinho sobre as crianças que ela cuidou. E quanto tempo ela ficou em cada emprego;

* Pergunte como era a rotina nas 2 últimas casas que ela trabalhou, as brincadeiras que ela fazia, a alimentação, viagens, etc;

* Questione se ela ainda tem contato com as crianças que cuidou;

* Porque saiu dos antigos trabalhos – Fundamental saber o porquê!;

* Se ela tem costume de viajar com a família;

* Se ela fuma ou bebe;

* Se possui ou se já teve algum problema de saúde;

* Como está o seu estado de saúde atual;

4. Depois de tirar todas suas dúvidas, traga os pontos que são pré-requisitos para trabalhar com você. Deixe claro que ela deve estar de acordo, se não nem se enquadra na vaga:

* Celular deve ser usado somente em em situações especiais (se um parente dela estiver doente, se ela estiver esperando uma ligação importante, etc). caso contrário, não usar enquanto estiver trabalhando;

* Informe como devem ser as roupas durante o horário do trabalho (se vai usar uniforme ou não). Se preferir, comunique que quer o cabelo sempre preso e que ela não use perfume.

* Deixe claro como funcionarão as folgas (semanais, um final de semana sim outro não, etc);

* Combine se o emprego é para morar ou passar dia. Se for para morar no emprego, enfatize que cuidar de um bebê é puxado e é preciso paciência e dedicação;

* Esclareça como serão os feriados;

* Deixe claro que atrasos e faltas só serão admitidos em situações urgentes e sérias. E que imprevistos devem ser comunicados o mais rápido possível;

* Pergunte um pouco sobre sua vida pessoal, com perguntas básicas como: se ela é casada, se tem filhos, se tem namorado, onde mora;

* Combine o salário previamente.

Se a criança já nasceu: No meio da entrevista, traga a criança para que a babá conheça. Neste momento analise seus gestos e comportamento. Mesmo que ela esteja tímida ou esteja com vergonha, você poderá perceber um pouco do seu jeito ou personalidade, fique atenta!

5. No final da entrevista, se você gostou da babá, o próximo passo é ligar para os lugares que ela trabalhou e pedir referências. Nestas ligações pergunte detalhes, como a rotina na casa, onde as crianças estudam, se a babá costumava viajar com a família. Também não esqueça de tirar a certidão de antecedentes criminais. Coloque no google: “antecedentes criminais de …” (estado em que foi emitido o RG da babá) e insira os dados do RG dela.

Importante: lembre-se, na entrevista, de tirar um xerox do RG da babá (frente e verso) caso ela não tenha levado uma cópia. Isso será importante para você pegar a certidão negativa de antecedentes criminais na internet.

Fotos: reprodução

Post escrito por:
Karen Melzer

4 amaram

9 comentários em “A escolha da babá

Neli Alves disse...

8 de fevereiro de 2012 às 17:12

Excelente. Vou indicar para a minha filha. Meu neto vai chegar em maio. Obrigada pelo blog, sempre tão prático e eficiente, além de lindo. bjks

Responder

Vivian disse...

8 de fevereiro de 2012 às 17:19

Eu vou começar a me preparar para ter o bebê… Mas com certeza vou precisar logo logo de uma babá.. Amei as dicas…

Estou a procurar coisas pra minha nova casa auqi tb..

Beijos!!

http://nossojeitofeminino.blogspot.com/

Responder

JANAINA disse...

8 de fevereiro de 2012 às 19:06

Que conscidência hoje emsmo fuçando no blog da Marina que acabei conhecendo por conta do concurso da Vogue eu vi esse post e cliquei lá . realemnte as dicas são valiosas e o blog dela e muito legal tb. Jana

Responder

Karen Melzer disse...

8 de fevereiro de 2012 às 19:26

Que bom que gostaram meninas!!!! Bjss

Responder

Preta Schneider disse...

9 de fevereiro de 2012 às 10:27

gente, tá muito difícil de achar alguém! e quando eu acho, querem uma fortuna! elas merecem, claro! mas tá quase valendo mais a pena colocar na escolinha ou parar de trabalhar…

Responder

Giuliane disse...

9 de fevereiro de 2012 às 10:39

Nossa Karen, vc leu meus pensamentos, marquei entrevista para hj e estava com dúvidas do que realmente perguntar, o meu bebê fará 5 meses dia 14 e no mês que vem ele terá que ficar com uma babá.
Obrigada por tirar minhas dúvidas, o site é nota dez mesmo.

Responder

    Karen Melzer disse...

    9 de fevereiro de 2012 às 15:53

    Que bom ajudar, Giu!!! Boa sorte!!!!! Depois nos conta!!! Bjão

    Responder

Marina Breithaupt disse...

26 de fevereiro de 2012 às 18:43

Ahh muito bom esse post do Ask Mi, lembro que quando li achei muito bacana! Dicas práticas pra essa hora difícil…a escolha de quem vai olhar por nossos bebês. Bjoss

Responder

Talita S2 disse...

13 de abril de 2012 às 17:48

nossa, esse blog seu é nota dez!!!
ele me ajudou mut, pois eu tava com uma entrevista com uma baba, e dando uma olhadinha rapida nas dicas do q falar com ela ate q encontrei seu blog.
a entrevista deu tudo certo e a minha belly agora tem uma nova baba, e eu vou poder trabalhar, com mut sacrificio, pois err nut dificio desgrudar dos filhos da gente!
mut obrigada, beijão! S2 :)

Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Voltar para o topo
Publicidade
Juliana Moscofian