Casamento Carolina e Rodrigo

No momento em que recebi esse casamento percebi que estava com um super post para trabalhar e inspirar! Segundo o…

10 coisas que eu aprendi sendo mãe de gêmeos

Olá casamenteiras, Hoje vou contar sobre algumas coisas que eu aprendi sendo mãe de dois bebês ao mesmo tempo. É…

Check List da Noiva: Convite de Casamento

Hoje é dia de Check List da Noiva e o assunto é Convite!  Vou dar algumas dicas de processo, quando…

Tudo o que você quer saber sobre o buquê do seu casamento!

Olá Noivinhas, Começando a semana com o pé direito vamos de post tira-dúvidas sobre buquês. Vale lembrar, logo de início,…

Chá de Panela | Por onde começar

Vamos começar pelo o objetivo principal que é montar a cozinha da sua nova casa. – O chá de cozinha…

Hotel Radisson
Curta a nossa página no Facebook

Casamento

No momento em que recebi esse casamento percebi que estava com um super post para trabalhar e inspirar! Segundo o…

Casa

A Diretora de Estilo do Westwing França, Elise Simian Karsenti, foi à feira e contou quais são as apostas para…

Bebê

Olá casamenteiras, Hoje vou contar sobre algumas coisas que eu aprendi sendo mãe de dois bebês ao mesmo tempo. É…

Ponto Frio

Pets

Entenda mais sobre babás para os bichinhos de estimação.

Receitas

Aprenda como fazer esse delicioso acompanhamento.

Chá

Vamos começar pelo o objetivo principal que é montar a cozinha da sua nova casa. – O chá de cozinha…

Guia de Serviços

26.03.2015

Casamento Carolina e Rodrigo

No momento em que recebi esse casamento percebi que estava com um super post para trabalhar e inspirar!

Segundo o noivo…

“Vamos lá …

Nos conhecemos através de um amigo em comum que nos apresentou. No começo eu queria ficar com ela, nem ela comigo e fomos aos poucos nos conhecendo e nos identificando. Após 60 dias ja estávamos namorando.

Qual é conselho que vocês dão para as noivas?

Conselho ai a Carol tem que te dizer hehehe … eu diria que para nós ela deu sorte porque eu fui atrás de todas coisas do casamento, e como sou muito organizado fui deixando tudo pronto com antecedência.

A música que escolhemos como tema foi Sam Smith – Stay with me.”

Os noivos estão radiantes, muito felizes. A noiva pensou com carinho em todos os detalhes do look e ficou maravilhosa! Nas fotos da cerimônia é notável como se preparam e como foi importante esse momento.

É como eu sempre reforço em todos os posts: pense em todos os detalhes! Acompanhem e construam esse dia junto com seus noivos. No dia o gostinho é bem mais saboroso, tenho certeza disso. Dos emails que recebo das noivas vejo como elas estavam felizes em participar e depois curtir! É um grande momento e vocês merecem aproveitar.

O vestido da noiva é da Solaine Piccoli, uma estilista que eu amo de paixão e de fato, não é maravilhoso? Ela está uma princesa só que completamente contemporânea. É muito moderno e elegante! Eu amei e vocês? Me casaria com ele com toda a certeza…hehe

Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro \Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro Casamento de Carolina Zatteta Postali e Rodrigo Grillo Policastro

Créditos do Casamento:  Fotógrafo: Edson Pereira / Cerimônia:  Igreja São Pelegrino / Recepção: Clube Juvevil / Vestido da Noiva: Solaine Piccoli / Traje Noivo: Ermenegildo Zegna By Mauricio Placeres / Alianças: Burnner / Cerimonial: Carolina Polly

Post escrito por:
Nika Bianchi

16 amaram
26.03.2015

10 coisas que eu aprendi sendo mãe de gêmeos

Olá casamenteiras,

Hoje vou contar sobre algumas coisas que eu aprendi sendo mãe de dois bebês ao mesmo tempo. É uma loucura, correria, cansativo demais, mas é extremamente recompensador, é tudo em dobro, inclusive as fofuras!

1- Contar aos amigos e familiares

Eu, por neura minha, só contei até para a minha família que estava grávida depois que a gestação passou das 12 semanas. Contei para toooodo mundo em um final de semana, foi uma loucura! Mas hoje eu lembro da reação das pessoas e eu me arrependo de não ter filmado ou gravado de alguma forma. A notícia de uma gravidez é sempre uma alegria, e a notícia de gêmeos é muito legal, as reações das pessoas são muito engraçadas! Se puder, filme todo mundo, dá um registro muito gostoso de assistir depois.

2- Obedeça o seu médico

Meninas, a gravidez gemelar é considerada gravidez de risco. Por favor, não façam nenhuma loucura, se cuidem, vão a maior quantidade de consultas pré-natais que conseguirem. O segredo é prestar atenção ao seu corpo e reportar qualquer diferença que você sentir. Não tenha medo de incomodar o médico, ele está lá para isso mesmo. E obedeça toda e qualquer orientação do seu obstetra. Isso é muito importante.

3- Fotos do barrigão

Tire fotos, muitas fotos da evolução da sua gravidez, toda semana se for possível, é provável que se for a primeira, seja a sua única gestação, registre! Eu me lembro o quanto eu curtia ver as fotos da minha mãe grávida de mim quando eu era criança. Lá pela semana 30 ou 32 da sua gestação, se você puder, contrate um fotógrafo profissional para registrar o barrigão, você não vai se arrepender.

Fonte: arquivo pessoal

Fonte: Arquivo Pessoal – by Samara Rifai Fotografia

4- Eu não sou a mulher maravilha!

Sim, este item é para as mamães mais duronas que querem fazer tudo sozinhas! Quando a Nina e o João nasceram, minha mãe, que mora no interior de São Paulo veio ficar comigo. Ela ficou morando em casa por 2 meses e meio e eu confesso que quando ela foi embora eu chorei. Chorei de medo de ficar sozinha, de fazer alguma besteira, ou do cansaço não me permitir ser a mãe que eu queria ser. Contratei ajuda e graças a Deus deu tudo certo! Mas eu tenho certeza que no meu caso, se eu não tivesse ajuda, eu seria uma mãe que iria passar o dia rezando para eles dormirem e a noite chorando porque eles não dormem! Chega a ser perigoso, na minha opinião, uma pessoa com o nível de cansaço que gêmeos podem causar sem dormir, não raciocina direito e os acidentes podem acontecer. Meu lema é mãe sã, filhos mais felizes!

Aceitem ajuda! De onde vier, mãe, pai, sogra, cunhada, irmãos, amigos ou se puder, contrate alguém pelo menos por um período.

5- Você está no comando.

Eu não aceitei visitas na minha casa nos primeiros dois meses. Algumas de vocês podem dizer: Uau Karina! Que exagero! Pois é, eu fiz isso sim! Morria de medo de alguém trazer alguma doença, virose ou qualquer coisa do tipo. Até o meu marido eu fazia trocar de roupas quando chegava em casa. E mesmo assim quando eles tinham 3 meses eu peguei uma baita conjuntivite e não podia nem encostar neles, imaginem a situação. Não ceda as pressões de amigos e familiares, o momento é seu, os filhos são seus e os medos também. Siga seus instintos, você é quem manda! Ok?

6- Sem neura!

Normalmente, gemelares nascem menores por causa do tempo de gestação, que normalmente é menor. Até os 3 meses, eles não tem as vacinas e são realmente muito molinhos e parecem muito frágeis. Ter uma certa “neura” nessa fase é normal, mas passando isso tente relaxar. Você não vai ter tempo para ser uma mãe neurótica! Acordar para ver se está respirando toda hora, esterilizar a chupeta toda vez que cair no chão, lavar as roupinhas na mão, e por aí vai… Relaxe! Logo logo eles estarão sorrindo e não vai caber no seu peito o que você vai sentir! Não perca este momento passando Lysoform no teto da sua casa!

7- Ouça e procure outras mães de gêmeos

Encontrar informações sobre gestação e bebês gêmeos em português pode ser um desafio. Suas amigas que tiveram um bebê por vez não tem a menor idéia pelo que você está passando, portanto, viu um carrinho de gêmeos na rua? Coooorre e vai puxar papo, pergunte, divida, eu sei que parece loucura, mas nessa hora quem vai te entender e poder te ajudar é quem já passou ou está passando pela mesma experiência. Eu adoro quando grávidas de gêmeos me abordam na rua para perguntar sobre o carrinho, berços, quarto, curto muito poder ajudar.

Quem teve um bebê por vez, só consegue imaginar o trabalho que tem e multiplicar isso por dois ou três. E não é bem assim, enquanto meus amigos me olhavam com um olhar de dó, as mães de gêmeos vibravam e só repetiam o quanto essa experiência é incrível e o quanto eu ia amar ter gêmeos, isso me animou muito.

Fonte: Dollar Photo Club

Fonte: Dollar Photo Club

8- Amamentação

É possível sim amamentar gêmeos exclusivamente. Conheci algumas mães que conseguiram. Eu, não consegui. Amamentei até os três meses e nunca foi exclusivo, sempre dava um complemento de fórmula depois. Não se frustre e principalmente, não se culpe por não conseguir amamentar por muito tempo ou exclusivamente. Faça o seu melhor, converse bastante com o pediatra e fique em paz. Meus filhos tomaram fórmula exclusivamente a partir dos 3 meses e estão ótimos, saudáveis e felizes. Não é o ideal? Não, não é, mas foi o melhor que eu pude fazer.

9- Rotina

Rotina e bebê, são duas palavras que combinam muito. O bebê se sente mais seguro quando existe uma rotina estabelecida, ele pode não entender muita coisa, mas ele tem certeza do vem em seguida, isso os deixa mais tranquilos. No caso de gêmeos a rotina é indispensável e sem ela, mamãe e papai correm o risco de ficarem maluquinhos! Crie a rotina conforme os costumes da sua casa e tente não alterar muito as coisas. Aqui temos hora para tudo, e no caso de gêmeos é importante sincronizar os bebês. Eles acordam, mamam, brincam, comem, tiram a soneca, tudo juntos e ao mesmo tempo. Isso facilitou demais a nossa vida.

10- Comparação

Não compare e nem deixe ninguém comparar o desenvolvimento, temperamento ou qualquer outro aspecto dos seus filhos. Cada um tem o seu ritmo e comparar só trás desconfortos e vão aos poucos minando a autoconfiança e a individualidade de cada um. Isso na minha opinião é super importante e as vezes eu me pego comparando, é natural. Mas me policio o tempo todo para não fazer e principalmente na frente deles.

Eu poderia escrever as 20 ou 30 coisas que eu aprendi sendo mãe de gêmeos, é uma experiência intensa todos os dias, mas o texto já ficou enorme e temos todo tempo do mundo para conversar.

Se tiverem dúvidas ou sugestões deixem nos comentários ou me escrevam no conteudo@casamenteiras.com.br

Beijos

Post escrito por:
Karina Trapp

18 amaram
25.03.2015

Check List da Noiva: Convite de Casamento

Hoje é dia de Check List da Noiva e o assunto é Convite! 

Vou dar algumas dicas de processo, quando começar, como pensar nos detalhes e quando entregar.

Entregar o convite de casamento é uma das tradições que se mantém muito similar a dos antigos casamentos. Eles ainda são físicos, a grande maioria das noivas prefere que seja nos moldes clássicos, com alguns toques modernos, mas o ato de entregar o convite não deixa de ser formal.

Essa matéria esclarece algumas dúvidas que tenho recebido das noivas leitoras do Casamenteiras :). O convite de casamento merece uma atenção especial e alguns imprevistos acontecem, dentro disso comece a pensar no assunto de 8 a 6 meses antes do evento. Se for enviar o Save the Date é bom que inicie a procura 8 meses antes. O Save the Date é um pré-convite que avisa os convidados da data, local e horário, assim os mesmos já vão se programando para o evento. Quando o casamento é fora da cidade ou muitos convidados são de fora é muito importante que esse pré-convite seja enviado. Nesse caso, os noivos podem inovar mais, fazer algo mais moderno que o convite e até enviar por email.

Lembre-se que o casamento deve ter um estilo, a cara dos noivos, uma cor, uma história, uma identidade visual… Algo que unifique todos os elementos. Dentro disso o Save the Date deve acompanhar esse mesmo conceito, mas pode ser mais informal e colorido, mesmo se os noivos forem mais tradicionais. Para os que preferem algo moderno é só seguir a mesma linha. O meu Save the Date será enviado por email, um arquivo digital bem colorido com a cara do casamento, que será na Fazenda Vassoural em Itú. A minha ideia é algo bem florido e alegre, porque essa é a história que quero contar.

Existem também os pré-convites físicos que devem ser entregues em mãos ou através dos Correios. Pode ser entregue para todos os convidados ou para aqueles que moram longe, os de mais idade, aqueles amigos muito ocupados ou os viajantes de primeira linha…rs

Tem uma sugestão para o Save the Date de todas vocês: coloque personalidade!

O convite de casamento deve ser pensado com no mínimo 6 meses de antecedência, já que deve ser entregue de 2 meses a 1 mês de antecedência. Para os convidados que moram fora entregue 3 meses antes. Se o casamento for fora da cidade os 3 meses também são válidos, mas se você enviou o pré-convite eles já estão sabendo e podem receber o convite mais tarde.

Dica: peça orçamento para 3 fornecedores e veja a reputação de cada um deles com calma para não cair em furada.

Para definir a identidade visual do casamento você deve pensar qual será a “história” que você e seu noivo desejam contar: tradicional, clássico, moderno, alegre, colorido, despojado, rústico e depois desse conceito vocês podem definir monograma dos noivos, design, fonte, cor e começar as provas.

Erros sempre acontecem e para isso você deve ficar ligada e fazer as correções antes da impressão. Confira todos os convites quando chegar, tem envelopes que chegam sem convite dentro, dentre outras coisas.

A papelaria do casamento normalmente não é feita somente de convite, existem também o cardápio da noiva, programa da cerimônia e recepção, cartão de identificação das mesas, lembrancinhas, tags e água.

Agora que você já está mais por dentro do mundo da papelaria comece a pensar na sua e qualquer dúvida é só comentar!!!

Fornecedores parceiros do Casamenteiras

Veja alguns exemplos e inspire-se:

Grande beijo,

Nika Bianchi

Post escrito por:
Nika Bianchi

24 amaram
Voltar para o topo
Casare - Seu Site de Casamento mais Elegante!

Instagram


Juliana Moscofian